Ícone telefone

(11) 3851-8411

Ícone telefone

(11) 96306-7414

Ícone horário

Horário: Seg. à Sex. 08:00 as 19:00

Ícone endereço

Av. Parada Pinto, 135 - Vila Nova Cachoeirinha

Ícone telefone

(11) 3851-8411

Ícone telefone

(11) 96306-7414

Ícone horário

Horário: Seg. à Sex. 08:00 as 19:00

Ícone endereço

Av. Parada Pinto, 135 – Vila Nova Cachoeirinha

Alimentação no período de amamentação é coisa séria, pois pode refletir de forma decisiva na saúde da criança. Se a mãe não tomar os devidos cuidados com a sua dieta, pode contribuir e muito para a formação de incômodos no neném.
Nesta matéria você vai saber o que comer para não dar cólica (de jeito nenhum) em seu bebê. Acompanhe a leitura para aprender dicas incríveis!

O que causa as cólicas no bebê?


“A falta de maturidade digestiva dos bebês” é a grande fonte das cólicas. Parte delas surgem no desenvolvimento do pequeno que não tem controle sobre os movimentos do seu corpo e acaba acumulando gases.
 
Outra fonte é a falta de cuidado na introdução alimentar do bebê, aonde algumas mamães por falta de orientação cometem alguns erros.
 
Para saber mais sobre o assunto, leia a seguinte matéria: Como surgem as cólicas nos bebês?
 
Outra causa das cólicas está ligada a própria alimentação da mãe durante o período de amamentação. Saiba mais a seguir.

Alimentação durante a amamentação pode causar cólicas no bebê?


As mães são o grande elo para o bem-estar de um bebê, pois a partir delas é que vem a fonte de alimento que tem origem na amamentação. Se as mães não apresentarem um certo cuidado em sua nutrição as cólicas serão constantes na vida da criança.
 
O consumo em excesso de feijão, ervilha, brócolis, couve-flor por exemplo e a ingestão de alguns chás e leite de vaca e seus derivados na amamentação, serão prejudiciais na questão digestiva então vamos dar um norte para você mamãe se alimentar bem e consequentemente fornecer saúde ao seu pequenino.

O que comer na amamentação?


Frutas, verduras, cereais, laticínios e muita água são ótimos para o sistema digestivo da mãe e do bebê e para a produção de leite materno que se beneficia das vitaminas e dos nutrientes destas classes de alimentos, que são essenciais para estimular todo o sistema e hormônios que compõem a estrutura do organismo feminino.
 
Existe uma questão que deixa as mães um tanto preocupadas. Quando a criança apresenta uma indisposição para comer, fica difícil descobrir quais são as causas que provocam esta reação. Para saber mais como lidar com o problema, acesse a seguinte matéria: Por que os bebês fazem greve de amamentação?

Dra. Marly Sato

Dra. Marly Sato

Formada pela Faculdade Ciências Médicas da Santa Casa de Misericórdia - SP
Especialista em pediatria pela AMB


FALE COM A ESPECIALISTA
Ebook sobre Alergia em Crianças