Ícone telefone

(11) 3851-8411

Ícone telefone

(11) 96065-9978

Ícone horário

Horário: Seg. à Sex. 08:00 as 19:00

Ícone endereço

Av. Parada Pinto, 135 - Vila Nova Cachoeirinha

Ícone telefone

(11) 3851-8411

Ícone telefone

(11) 96065-9978

Ícone horário

Horário: Seg. à Sex. 08:00 as 19:00

Ícone endereço

Av. Parada Pinto, 135 – Vila Nova Cachoeirinha

O leite materno é a maior fonte de alimento que se tem consciência para um recém-nascido. Não existe nada de mais completo para dar saúde e evitar doenças na vida futura de qualquer ser humano.
 
Mas, até que ponto se estende o poder deste alimento? Será que suas virtudes podem estimular o desenvolvimento cerebral e cognitivo? E se a mãe sofrer com dificuldades de amamentação? Qual será a solução? Encontre todas as respostas que você precisa.
 
Conheça um estudo feito nos EUA, que tem uma resposta surpreendente sobre como leite materno atua no cérebro do bebê.

O leite materno e os benefícios segundo a pesquisa


O leite materno tem benefícios que podem melhorar o desenvolvimento da coordenação motora e a capacidade intelectual do bebê, segundo pesquisa feita na Universidade Brown, nos Estados Unidos, que separou o número de 133 bebês de dez meses a 4 anos de idade e os alimentou com uma concentração e atenção maior de amamentação.
 
Após alguns exames que registraram o desenvolvimento cerebral desses bebês neste sentido, foi notado que a massa branca do cérebro que é responsável pela parte do intelecto da criança, não apresentava nenhuma alteração em termos de prejuízos para a vida do bebê, ou seja, um futuro mais tranquilo está garantido para essas crianças
 
Entenda melhor, por que essa forma de alimento é conhecida também pelo nome de sangue branco.

O leite materno é realmente o sangue branco


Sim, pois suas características se dizem por si só. O leite materno age como um sangue no organismo, pois tem a capacidade de proteger o organismo do bebê de bactérias que possam trazer vírus e doenças graves. Um nível de importância desde alimento milagroso é muito grande e traz grandes benefícios para todo o corpo e se torna um verdadeiro guardião da saúde até a velhice.
 
Mas, muitas mães de primeira viajem apresentam certas dificuldades para amamentar os seus bebês, o que pode gerar muitos problemas de saúde e por que não, riscos de algumas deficiências nas defesas do organismo e no desenvolvimento de sua inteligência lógica para levar uma vida normal.

Resolvendo as dificuldades na amamentação


O que você precisa saber sobre as dificuldades na amamentação, é que a mãe precisa estar tranquila e longe de pressões externas para alimentar o bebê, pois quando a criança vem ao mundo pela primeira vez, já está com uma reserva de energia e não sente tanta necessidade de se alimentar com tanta pressa.
 
O pouco leite nos primeiros momentos de amamentação é normal. O colostro é uma substância com um tom mais amarelado que sai das glândulas mamárias e de extrema importância, pois é rico em anticorpos.
 
Veja o que você pode fazer para estimular a produção de leite materno:
 
- Consumir um cardápio mais saudável
- Beber bastante água
- Praticar exercícios de relaxamento
- Cuidar bem do sono
- Viver em ambientes livres de brigas e mal-estar
 
Procure seguir essas dicas e a produção de leite materno vai melhorar e muito.
 
Para uma mãe ter um período de gravidez e alimentação saudável e tranquilo, é necessário a parceria com uma pediatra comprometida com a sua saúde e do seu filho. Não deixe de encontrar um especialista que será mais que um profissional, mas quase um membro da família.
 
Entre em contato e descubra um lugar perfeito para qualquer mãe.  

Dra. Paula Regina Colombi

Dra. Paula Regina Colombi

Formada pela Faculdade Ciências Médicas da Santa Casa de Misericórdia - SP
Especialista em pediatria pela AMB
Especialista em Homeopatia pela AMH


FALE COM O ESPECIALISTA
Ebook sobre Alergia em Crianças