Ícone telefone

(11) 3851-8411

Ícone telefone

(11) 96306-7414

Ícone horário

Horário: Seg. à Sex. 08:00 as 19:00

Ícone endereço

Av. Parada Pinto, 135 - Vila Nova Cachoeirinha

Ícone telefone

(11) 3851-8411

Ícone telefone

(11) 96306-7414

Ícone horário

Horário: Seg. à Sex. 08:00 as 19:00

Ícone endereço

Av. Parada Pinto, 135 – Vila Nova Cachoeirinha

Você já sabe que o leite de vaca deve ser evitado, mas enquanto aos seus derivados? Será que existem algumas exceções que podem ser consideradas?
 
É possível que os pequenos tenham uma vida normal apesar de sofrerem com alergia ao leite de vaca, mas antes é necessário entender como funciona a exclusão e a inclusão de alimentos na dieta da criança.
 
Neste texto, vamos tirar dúvidas sobre o consumo de derivados para bebês quem tem alergia ao leite de vaca. Confira os tópicos abaixo!

Derivados do leite de vaca são realmente perigosos?


Derivados de leite de vaca tem em sua composição uma proteína de origem animal, que quando ingerida pelo organismo, é recebida como um invasor que precisa ser expulso, o que gera os sintomas que causam sofrimento ao bebê.
 
Ou seja, ingerir derivados do leite de vaca é perigoso para quem tem alergia (no caso os bebês), pela concentração de proteína que sobrecarrega um organismo frágil, que precisa de nutrientes que estão presentes no leite materno.
 
Essa reação contrária, se deve ao fato de que o organismo do bebê não tem uma estrutura forte, e nem uma análise positiva do nutriente que está adentrando as suas dependências, o que vem da sua formação e crescimento, que ainda não tem a capacidade e aceitar e absorver determinadas proteínas.
 
Agora que você já sabe se o seu filho pode ingerir ou não derivados de leite de vaca, vamos passar uma informação importante sobre o que comer para quem tem Alergia a proteína do leite. A dica que vamos passar, é bem diferente de listas de alimentos para alérgicos.

Alergia a proteína do leite: O que comer?


Antes de passar qualquer tipo de lista de alimentos para alérgicos, é importante frisar que cada caso é um caso, e que existe uma variação dentro de um organismo. Apesar de os bebês apresentarem princípios bem parecidos, as suas heranças genéticas ou exposição a determinados ambientes, causa alterações no funcionamento físico.
 
Antes de decidir um cardápio adequado para o seu filho, procure um pediatra, que vai fazer alguns exames e determinar a exclusão do leite de vaca e seus derivados da dieta e propor a inclusão de alimentos que se enquadrem de acordo com a realidade do seu bebê.
 
É muito arriscado pegar uma lista aleatória de alimentos de uma fonte desconhecida e aplicar na dieta do seu filho. Tome cuidado e procure um especialista.
 
Ficou alguma dúvida?
 
Venha tirar todas elas! Faça-nos uma visita! Esperamos você na mais nova Clinica Integrada de São Paulo.
 
 
 
 
 
 
 

Dra. Marly Sato

Dra. Marly Sato

Formada pela Faculdade Ciências Médicas da Santa Casa de Misericórdia - SP
Especialista em pediatria pela AMB


FALE COM A ESPECIALISTA
Ebook sobre Alergia em Crianças